Todo site em 12x sem juros no cartão de crédito e FRETE GRÁTIS p/ São Paulo capital!!!

Visita ao domaine Dagueneau

Visita ao domaine Dagueneau

Uma visita histórica, que marca a vida de qualquer apaixonado por vinho. E, felizmente ou infelizmente, para poucos. Essas portas só se abrem para conhecidos íntimos da família, já os vinhos não precisam de qualquer propaganda para serem vendidos. Um brinde ao nosso amigo e curador Jô, por disponibilizar essa maravilha que é o Domaine Dagueneau para o Brasil. É um enorme prazer quando falamos em voz alta: “somos os importadores do Dagueneau”. 

Didier Dagueneau partiu em seu ultraleve em 17 de setembro de 2008, na Dordonha, deixando-nos precocemente aos 52 anos, mas alimentados de sua energia, prazer e curiosidade em viver. Seu filho Louis-Benjamin é que então assume a propriedade e executa um trabalho diário no Domaine familiar que seu pai ficaria orgulhoso. Menino prodígio, eleito vinhateiro do ano em 2016, entende a importância da continuidade. Muitos defendem que Benjamin levou a produção a novos patamares, gerando vinhos cristalinos, de pulso, em múltiplas camadas. Alguns defendem que seu pai mantinha um “funk”, uma dimensão extra, um belo desvio, que seus vinhos não possuem. Felizmente, somos privilegiados em provar Dagueneaus das duas eras, pai e filho, e os vinhos, independente do estilo, são sempre descomunais. 

Sílex, pôr do sol, wine globe (vidro usado para vinificar alguns vinhos, que Benjamin defende que “espicha” os vinhos), churrasco entre amigos e, logicamente, grandes vinhos. Assim que foi essa visita histórica. 

0 comentários 0

Deixe um comentário